saúde intestinal

Kefir e seus benefícios para o combate do vício em açúcar

Kefir de agua

Compartilhe

Hoje vamos falar sobre saúde intestinal e como o kefir pode ser uma aliado na sua alimentação melhorando sua saúde. No vídeo abaixo eu ensino como cultivar o kefir em água e como fazer um delicioso refrigerante saudável de kefir.

Os probióticos

Probióticos são micro organismos ( bacterias, leveduras, fungos) do bem que nos ajudam na digestão e mantém o equilíbrio da nossa flora intestinal. Existem 400 tipos diferentes de cepas de bactérias , leveduras e fungos do bem que vivem em simbiose no nosso corpo e nos ajudam a digerir os alimentos e produzem vitaminas que nos são uteis. O desequilíbrios destes microorganismos podem nos ocasionar problemas como por exemplo uma superpopulação de leveduras pode causar candida. Então nós necessitamos que estes micro organismos vivam em equilibrio para que desempenhem uma função benéfica ao nosso corpo.
Um fato interessante é que 90% de nosso corpo correspondem a estes micro organismos e somente  10% porcento é composto de células humanas. Nós vivemos em simbiose com estes microorganismos, o que significa que nosso corpo serve de moradia onde é possível que eles se alimentem cresçam em um ambiente favorável. Em troca eles nos ajudam a digerir a comida e eliminar nosso lixo celular sem sua ajuda teriamos muitos problemas de saúde por que eles protegem nosso sistema imunológico desintoxicam nosso corpo e nos ajudam no fornecimento de nutrientes.
Os sintomas de quando ocorre um desequilíbrio destes microorganismos em nosso corpo são:
a constipação, gases, mau hálito, inchaço abdominal.
A microbiota intestinal é constituida desses microorganismos do bem que em equilibrio combatem os microorganismos nocivos ao nosso corpo. A real importancia de consumir probióticos e alimentos fermentados, vem desta necessidade de repopular e manter o equilibrio das bacterias boas em nosso corpo.
O grão de Kefir é um agrupamento gelatinoso polissacarídeo que tem vários micro-organismo em simbiose, e sua complexidade ainda não foi completamente decifrada pela ciência. Basicamente o Kefir contém: 8 leveduras, 2 bactérias acéticas, cerca de 16 lactobacilos, cerca de 9 streptococci/lactococci, ácido fólico, ácido pantotênico, biotina(vitamina B), cálcio, carboidratos, fósforo, gordura, lactase, magnésio, niacina (vitamina B3), potássio, proteínas, pyridoxina (vitamina B6), triptofano, vários outros aminoácidos benéficos, vitamina B12, vitamina K
A grande diferença entre kefir e iogurte é que o iogurte é mais dificil de digerir, tem mais açúcar e só ajuda a limpar o intestino e fornecer alimento para a flora intestinal. O iogurte não fornece mais bactérias benéficas para "repovoar" a flora como é o caso do kefir.
O kefir ajuda a crescer novas colônias de bactérias amigáveis em seu intestino o que evita a proliferação de bacterias nocivas ao nosso organismo. O kefir é rico nutricionalmente, muito mais que o iogurte.

Qual o benefício do consumo de kefir para o vicio em açúcar e carboidratos?

Existem varias causas porque você sente uma vontade maluca de comer doces e carboidratos, uma delas pode associada a baixa secreção de serotonina.
A serotonina é neuro transmissor, ela é que faz a comunicação entre as células nervosas responsável pela sensação de prazer, também é encontrada no sistema digestivo e nas plaquetas do sangue.
A serotonina é um hormônio que atua regulando o humor, sono, apetite, ritmo cardíaco, temperatura corporal, sensibilidade e funções intelectuais e por isso, quando este hormônio se encontra numa baixa concentração, pode causar mau humor, dificuldade para dormir, ansiedade e depressão.
Você já ouviu falar que o intestino e nosso segundo cérebro? Não estou brincando, esse conceito está associado ao fato de que em nosso intestino existe cerca de 500 milhões de neurônios que são responsáveis por por coordenar tarefas como a liberação de substâncias digestivas e os movimentos que estimulam o bolo fecal a ir embora. Também é no intestino que há a produção de serotonina.
Carboidratos como massas, batata, pães são comidas prazerosas de se ingerir.  Em geral elas compensam  essa sensação de bem estar e prazer,  que a deficiência da serotonina provoca em nosso organismo.
O que causa uma espécie de vício por este tipo de alimento porque o efeito que eles provocam tem uma vida curta em nosso corpo e em seguida você irá desejar novamente por sentir-se bem e irá buscar consumir novamente o carboidrato gerando um ciclo infinito.
O consumo excessivo de carboidratos também pode estar relacionado com a deficiência de vitamina B e deficiência de potássio. A vitamina B você pode obter através do consumo de proteínas animais como as carnes e o potássio através de vegetais. O ideal é que seu consumo de vegetais seja algo entre 7 a 10 xícaras diárias  para que você possa consumir potássio suficiente em sua dieta. Os vegetais são ricos em l-triptofano, que é um aminoácido essencial porque nosso corpo não consegue produzi-lo. Ele é importante para o desenvolvimento e funcionamento de muitos órgãos no corpo. Depois da sua absorção o nosso corpo o converte para 5-HTP (5-hidroxitriptofano) e em seguida para serotonina, melatonina e vitamina B6. Também cria niacina (vitamina b3), que é essencial para desenvolvimento do neurotransmissor serotonina.
Resumindo, a ingestão de l-triptofano através de vegetais e carnes irá aumentar sua produção de serotonina e acaba com a busca por prazer na ingestão de carboidratos ruins.

E onde que entra o consumo de kefir nesta história?

Ele é rico também em triptofano que ajuda a sintetizar serotonina por isso seu consumo está associado ao tratamento e prevenção da depressão, ansiedade , pode auxiliar no processo de emagrecimento e combater o vicio em açúcar e carboidratos refinados.
Outro fato interessante é que quando há um aumento nas bactérias nocivas em nosso intestino elas liberam toxinas que emitem ao cérebro sinais de "vontade e desejos por porcarias". O kefir é benéfico porque irá "repovoar" a microbiota intestinal com bactérias boas, que irão combater as bactéria nocivas e por consequência acabará com os desejos por comidas lixo.
Então o consumo do kefir coloca em dia a sua saúde intestinal, como consequência você se sentirá melhor, menos suscetível a doenças, menos ansioso, menos cansado, melhorará seu sono, reduzirá o estresse e depressão e pode até ajudar a emagrecer.
Nós ainda falaremos de Kefir de leite e traremos receitinhas bem gostosas para você incluir na sua dieta.

5 thoughts on “Kefir e seus benefícios para o combate do vício em açúcar

  1. Ola Karine, uma duvida meu Kefir de agua anda mal cheiroso, parece com leite azedo, o gosto tambem mudou, quando recebi ele apenas pesava 15 gramas mas agora esta com quase 1 kilo de grãos, estou cultivando em um pode de 5 litros. Já andei procurando por tudo que é lugar pra indicar o que esta acontecendo, achei na net o pessoa da UFA falando como começar a cultura de Kefir de agua, e estou tentando seguir a receita deles. Mas gostaria de saber o que voce acha que pode ser esse cheiro e gosto de azedo de queijo!!!

    1. Oi Marco,tudo bem?!
      Desculpa não vi antes teu comentário. Existem algumas opções, pode ser que seja porque você esta cultivando muitos grãos de kefir no mesmo recipiente. O ideal é que você vá doando parte da sua colonia. Outra coisa que é importante é que você sempre tenha um ” backup” da sua colonia congelado para caso aconteça de você perder a colonia que esta usando. Não use em hipotese alguma se tiver cheio de estragado, podre mesmo, que dai é certo que só vai te fazer mal, coloque tudo fora.
      Outra situação que talvez possa ser a sua, é que seu kefir está com gosto forte muito azedo porque esta acido. Eu já vi dicas de misturar um pouco de bicarbonato de sódio ( somente no iogurte, não na colonia) para baixar a acidez. Realmente funciona em algumas receitas, eu faço com iogurte grego de kefir e frutas pra durar mais tempo na geladeira e dá certo. O sabor permanece menos ácido. Mas ainda assim pra resolver problemas com acidez, eu diminuo o tamanho da colonia. Tento nunca ficar com mais de 1 litro de leite pra umas 2 colheres de sopa de grãos. Assim consigo que fermente sempre bem e com sabor que agrada mais meu paladar. Eu acho que teu caso seja acidez excessiva porque se fica com gosto de queijo não me parece estar estragado.
      Eu perdi minha colonia de kefir de água, tô tão chateada. Ela contaminou com a minha kombucha, agora estou em busca de uma nova. Ele é bem bom é mais fácil de cuidar, mais barato também ne. Mas ele tem menos tipos de bactérias benéficas do que o de leite. Só uma dica, cuida muito na quantidade que você ingere principalmente porque você tem diabetes. É aquela historia sabe, a diferença entre o remédio e o veneno, é a dose. E o kefir é bem fácil nos tomarmos muito porque é bom e existem varias receitas gostosas. Beijos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *